Configuração Módulos Protheus

TES Inteligente

Escritor por Caio Abreu

 

Olá, neste artigo explicaremos detalhadamente a função da TES Inteligente, na teoria e na prática, e como configurá-lo.

 

O TES inteligente (MATA089), tem como sua principal função agilizar as rotinas de: Pedido de Compras (MATA121), Documento de Entrada (MATA103), Orçamento de Venda (MATA415) e Pedido de Venda(MATA410); e evitar erros de inclusão do usuário, pois quando os campos de regra que são preenchidos durante o cadastro do TES inteligente estiverem presentes durante o cadastro da rotina desejada, ao selecionar o Tipo de Operação (TES Inteligente), todas as outras informações presentes em seu cadastro serão engatilhadas, preenchendo-as automaticamente.

 

Configuração da TES Inteligente

 

Para o cadastro da TES inteligente, além dos padrões você encontrará os campos de regra, e na hora do preenchimento será necessário se atentar aos seguintes campos:

 

caminho-tes-inteligente

 

Tp. Operação: Código do Tipo de operação ou movimentação do material. (Exemplo: Venda de mercadoria(01), Prestação de serviço(02))

TES Entrada: Define o TES de entrada que será engatilhado com o tipo de operação.

Ou

TES de Saída: Define o TES de saída que será engatilhado.

 

→ Os campos a seguir, são os de regra, ou seja, servirá para que a aplicação do TES inteligente só seja possível no caso deles estarem presentes na hora do preenchimento da rotina em que será utilizado:

 

Cliente/Loja: Define o cliente que será necessário estar presente no preenchimento.

Fornecedor/Loja: Define o fornecedor será necessário estar presente no preenchimento.

Estado: Define o estado que será necessário estar presente no preenchimento.

Grupo Trib: Define o grupo tributário necessário estar presente no preenchimento.

Produto: Define o produto necessário estar presente no preenchimento.

Grupo Trib de Produto: Define o grupo tributário de produto necessário estar presente no preenchimento.

Fique atualizado, É GRÁTIS!
Cadastre o seu endereço de e-mail e fique por dentro de todas as atualizações da AcademiaERP.
Não enviamos spam.

Funcionalidade

 

Vamos criar um TES inteligente de exemplo, apenas para demonstrar a sua aplicação, então preencheremos os campos da seguinte maneira:

 

tint preenchido

 

Veja agora qual seria sua função na rotina do pedido de vendas. Vamos comparar os seguintes cenários:

 

Sem o TES inteligente→ Usando um tipo de operação não cadastrado, as lacunas verdes teriam de ser preenchidas manualmente de acordo com a interpretação do usuário que está manuseando o sistema:

 

pedido de vendas sem tint

 

Com o TES inteligente → Entretanto quando utilizamos a amarração do TES inteligente, ao preencher os parâmetros Cliente, Produto do mesmo modo que foi configurado na criação de sua TES inteligente, quando você selecionar o tipo de operação, será preenchido automaticamente o tipo de saída que foi cadastrado na TES inteligente:

 

pedido de vendas com tint

 

Como podemos observar, quando os campos de regra utilizados no cadastro do TES inteligente estão presentes de maneira igual durante o preenchimento da rotina de Pedido de Vendas, ao selecionarmos o tipo de operação, o tipo de saída é escolhido automaticamente.

Apesar do cadastro do TES inteligente não conter o campo código fiscal, esta informação é obtida pelo cadastro do tipo de saída:

 

tes cf

 

Conclusão

 

Podemos concluir que o TES inteligente é muito útil para agilizar as rotinas em que ele está presente, e tem a incrível função de diminuir as chances de ocorrer algum erro de inclusão do usuário, obrigando ele a preencher os campos de regra da maneira que se encontra em seu cadastro e programando gatilhos que preenchem automaticamente os outros campos que estão presentes, além de possuir um detalhamento pré programado.

Espero que esse artigo tenha sido útil, caso tenha alguma dúvida ou sugestão, entre em contato. Um abraço e até o próximo!

 

Sobre o Autor

Caio Abreu

Deixe um comentário

Dúvida?